13/06/2021

Morar Junto.... Minha opinião... LEIAM COM ATENÇÃO


É engraçado ver tantos pastores (e pastoras também), ditos obreiros de Deus, ministro do Evangelho(?), que pregam tanta SANTARRICE, sabem muito bem apontar, julgar e condenar os erros alheios, se posicionam como verdadeiros DITADORES do povo, sabem muito bem usar a Biblia Sagrada, principalmente para CONDENAR OS ERROS DOS OUTROS.

Batem no peito e berram aos quatro cantos: NA MINHA IGREJA TEM DOUTRINA (além de não saberem o que de fato é DOUTRINA, ainda se empossam como DONOS DA IGREJA), e se comportam como se fossem eles mesmos extremamente santos, impecáveis.

Aliás, não somente PASTORES E PASTORAS, mas também tem muitos dos ditos MISSIONÁRIOS E MISSIONÁRIAS, e obreiros de todos os graus hierarquitos da eclesiologia cristã, agindo assim.

Se vêem um casal morando na mesma casa e descobrem que este casal não tem o PASSAPORTE CELESTIAL DOS HOMENS, A QUAL EU PREFIRO CHAMAR DE NOTA FISCAL DE COMPRA E VENDA DE CORPO FISICO, emitido pelos cartórios, pedaço de papel este chamadod e CERTIDÃO DE CASAMENTO, sem o qual, segundo a ideologia destes SANTEIROS DE IGREJA, estes casais vão par ao inferno porque estão no pecado.

E se perguntar que pecado seria estes, eles, os santeiros, dizem que é de adultério, fornicação e prostituição... é um pecado ou três? E será que a situação de um casal que "mora" junto se enquandra em algum destes três

Vejamos as definições destes três "pecados" segundo o dicionarios Aurélio e segundo o dicionário bíblico de Buckland.

(Dicionário é aquele livro que trãz bilhares de palavras e seus significados. Encontra-se em qualquer livraria. Há também varios deles disponíveis

A- ADULTÉRIO - substantivo masculino

1.jur violação, transgressão da regra de fidelidade conjugal imposta aos cônjuges pelo compromisso matrimonial, cujo princípio consiste em não se manterem relações carnais com outrem fora do casamento.

2.p.ext. infidelidade estabelecida por relação carnal com outro(a) parceiro(a) que não o(a) companheiro(a) habitual.

No DICIONARIO BIBLICO, está assim definido o ADULTÉRIO:

Relação sexual que um homem casado tem com uma mulher que não é sua esposa ou vice-versa (JR 23:10; JO 8:3). A IDOLATRIA era chamada, figuradamente, de adultério (JR 3:8; EZ 23:37)

Portanto, para que haja ADULTÉRIO, tem de haver uma PESSOA TRAÍDA, em outras palavras, temd e tr alguém TOMANDO CHIFRE, GALHO.

B- FORNICAÇÃO - substantivo feminino

Ato de fornicar; prática sexual, coito, esp. com prostitutas.

Relativo ao ato sexual que não é entre cônjuges; o pecado da luxúria; pecado da carne, sem compromisso.

No DICIONARIO BIBLICO, está assim definido a FORNICAÇÃO:

Algumas traduções da Bíblia usam a palavra “fornicação” onde outras usam a expressão “relações sexuais ilícitas” ou “imoralidade sexual”. A palavra original grega é porneia, que é definida como “relações sexuais ilícitas e e compromisso” (Dicionário da Bíblia Almeida), o que não se limita ao adultério e nem a prostituição.

No adultério, alguém precisa trair e alguém precisa ser traido, na prostituição alguém precisa vender o corpo e alguém precisa pagar pelo uso do corpo,

Na fornicação, não há traição e nem há comercialização do corpo, mas há o DESCOMPROMISSO com a outra pessoa, não há vinculo que justifique o ato sexual, a pessoa fica por ficar, pega por pegar. Esta prática muito comum hoje em dia, principalmente (mas não exclusivamente) entre os jovens. E não está limitada apenas ao ato do sexo.... Apenas uns amassos, uns beijos calientes, um flerte, mesmo que VIRUAL, já encaixa nisto.

Portanto, FORNICAR é o chamado FICAR com alguém, sem nenhum compromisso, nenhum vinculo afetivo, é o "pegar por pegar"...

C- PROSTITUIÇÃO - substantivo feminino

1.atividade que visa ganhar dinheiro com a cobrança por atos sexuais e a exploração de prostitutas.

2.meio de vida principal ou complementar de prostitutas e prostitutos.

3.FAZER SEXO COM ALGUÉM EM TROCA DE BENEFÍCIOS MATERIAIS, VENDER O CORPO.

No DICIONÁRIO BIBLICO, está assim definida a PROSTITUIÇÃO:

"Trato sexual com outra ou outro distinto do próprio cônjuge, em troca de dinheiro ou em outra forma de pagamento. Na antiguidade houve inclusive a prostituição sagrada. Os profetas, assim como recorreram à imagem do matrimônio para expressar a intimidade de Deus com seu povo, também empregaram a de prostituição como expressão da infidelidade (cf. Os 2; Ex 16,26; ver também Ap 17,1-19,2)."

Um casal que mora junto não tem como enquadrar neste perfil de pecado,. Pois não há "comercialização" de corpo de ninguém.

Onde há, então, senhores SANTARRÕES, o pecado de duas pessoas "morarem junto"?

Eu respondo: Não há, necessariamente, pecado.

Pois duas pessoas, ambas solteiras, decidem morar juntos, já há ai um COMPROMISSO entre duas pessoas e um SENTIMENTO que os UNE: portanto, a FORNICAÇÃO, O ADULTÉRIO, E A PROSTITUIÇÃO já não se encaixa aqui.

O que há ai, seria (eu disse SERIA) UMA IRREGULARIDADE JUNTO AO PODER CIVIL, mas nem isto há...

Por que não há?Vou mostrar por que:

A BIBLIA SAGRADA NOS ORDENA A "OBEDECER E RESPEITAR AS AUTORIDADES, TANTO CIVIS, QUANTO POLITICAS, MILITARES, E CLARO, AS RELIGIOSAS.

Não ir votar, por exemplo, é crime e é pecado, pois estamos desobedecendo a lei do voto obrigatório (A obrigatoriedade do voto popular. Constituição e Lei nº. 4.737, de 15 de julho de 1965.).

Quem não vota, comete pecado, Desobedece a biblia.

Portanto, temos de obedecer as autoridades, certo? Muito bem...

SÓ QUE EM NOSSO PAÍS, O BRASIL, NÃO EXISTE LEI ALGUMA DE OBRIGATORIEDADE DE REGISTRO CIVIL DE CASAMENTO,.

Isto mesmo que você leu: NÃO HÁ LEI ALGUMA DE QUE ALGUÉM SEJA OBRIGADO A 'CASAR" NO CIVIL.

Pode pesquisar qualquer livro de leis ou na internet, onde quiser;

O que ocorre, é que o REGISTRO CIVIL de casamento ou união entre duas pessoas, traz GARANTIAS de DIREITOS a ambas. mas DIREITOS não são DEVERES.

Por exemplo, o uso do sobrenome de um dos conjugues pelo outro,

Maior facilidade e garantia em em receber beneficios em caso de impedimento ou falecimento do outro. Etc.Mas nem por isto, É OBRIGATÓRIO pois não é LEI, E se não é LEI, não há pecado onde não há lei.

(SUGIRO A LEITURA DE MEU OUTRO ARTIGO MEU SOBRE ESTE ASSUNTO, PUBLICADO TAMBÉM AQUI NESTE BLOG, CLICANDO NO LINK ABAIXO: hhttp://bpmiltonrabayoli.blogspot.com/2014/11/a-biblia-e-o-casamento-civil-de-novo.html

Mas ai vem os SANTARRÕES, e detonam o casal que assume seu relacionamentoe decide estar dividindo a mesma casa. Os causam INDEVIDAMENTE COMO ADULTEROS, PROSITITUTOS E FORNICÁRIOS (e deviam estes acusadores serem é processados por isto).

Tiram do EXERCICIO de sia comunhão na igreja... se cantam, não cantarão mais, se pregam, não pregarão mais. Se ministram de alguma forma, não ministrarão mais.

São banidos da comunhão, como PECADORES. E o pior é que um monte de retardados espirituais passam até mesmo olhar estas pessoas como se elas fossem as maiores CRIMINOSAS do planeta.

Seus nomes passam a ser assunto em rodas de FOFOQUEIROS DESOCUPADOS, FALSOS MORALISTAS.

Mas, cantar e pregar não podem, ministrar não podem... Mas NINGUÉM PROÍBE ELES DE OFERTAR E DIZIMAR. NUNCA OUVI DIZER QUE UM LIDER DESTE AI, UM SANTARRÃO DESTE AI, PROIBIU ALGUEM DE DIZIMAR OU OFERTAR.

SE MINISTRAR NÃO PODE, PORQUE NA CABEÇA DESTES IGNORANTES, O CASAL ESTÁ "EM PECADO", SENDO QUE MEDIANTE O QUE ESCREVI ACIMA, VÊ-SE CLARAMENTE QUE NÃO HÁ PECADO, TEM DE PROIBIR ELES DE OFERTAR DIZIMAR TAMBÉM, PELO MESMO MOTIVO. PORQUE SE A ADORAÇÃO OU A MINISTRAÇÃO DA PESSOA É REJEITADA, A OFERTA E O DIZIMO TAMBÉM TEM DE SER.

MAS, A FALSA SANTIDADE DO SANTARRÃO, COMEÇA A CAIR POR TERRA É AI.

PECADO NÃO HÁ... MAS FALTA O RECONHECIMENTO CERIMONIAL:

EIS AI A FALTA DO CASAL QUE MORA JUNTO...

Em Israel, quando um homem e uma mulher queriam casar, eles tinham de passar pela cerimonia ministrada pelo sacerdote, perante todos.

Não havia registro em nenhuma especie de cartório...

Hoje, a igreja no Brasil, par quem não sabe, tem o poder de legalizar religiosamente a união entre duas pessoas, homem e mulher.

Atravéz de celebração religiosa e ceremonial do matrimonio, emitindo as atas, registrando tudo e declarando o casamento como religiosamente válido.

E pela propria constituição brasileira, que declara que o casamento religioso tem o mesmo efeito do civil.=, quando se observado certas prévias, que referem-se ao celebrante, e estando o novo casal, livre de qualquer embaraço anterior.

O que se deve fazer neste caso, não é condenar o casal ao abandono na congregação, ou ao ridiculo, ou puní-los.

O que deve ser feito é ajudá-los.

Apresentar a eles propostas para maior esclarecimento da situação.

Estender a mão aos mesmos.

Mas parece que é mais fácil condenar do que amparar e ajudar.

Eu sempre aconselho aos casais que se encontram assim que procurem resolver estas coisas... Aconselho que TAMBÉM registrem seu enlace junto aos cartorios, pois o que não é veneno, é doce.Ou seja, se traz mais beneficio, que o façam;

Porém, sem por neles o fardo da culpa que eles não tem, acusando de alguma impureza qualquer, pois não há impureza onde não há culpa ou crime.

E já que se falam de leis... alguém ai sabia que os registros de casamento civil são previstos na constituição como GRATUITOS?

Ou seja, cartório tem de fazer isto gratuitamente. Alguém ai já viu cartório fazer o registro civil de casamento de graça?.

kkkkkkkk

COMO CASAR NO CARTÓRIO DE GRAÇA? ACESSE AQUI E SABERÁ...

04/06/2021

Versão atualizada - Você vai morrer, mas não sé preocupe...

(Versão atualizada)

QUANDO VOCÊ MORRER ( E VOCÊ VAI), NÃO SE PREOCUPE:

Não se preocupe com o seu corpo porque os seus parentes, cuidarão do que for necessário.

Eles
Vão te tirar da sua casa.
Vão retirar no DML e entregar a Funerária, 

E ai:
Vão te abrir e remover seus órgãos internos ( nem isto você levará para a sepultura);
Vão te costurar,  deixando seu corpo horroroso;
Vão tirar suas roupas; 
Vão te lavar.
Vão te vestir: alguém da família vai mandar por uma roupa qualquer, a qual será a última roupa que você usará;

Vão te levar para a sua nova morada...

Muitos virão se "despedir" de você no seu funeral.
Alguns cancelarão seus compromissos e até faltarão ao trabalho e compromissos por causa do seu enterro. Destes, alguns o farão apenas para não ficar mau vistos pela família e não se engabe:  alguns estarão lá somente para assistir a cena que mais desejaram por muito tempo.
Embora a maioria deles nunca o tenha feito enquanto estavas em vida.

🔷 Seus pertences, até aqueles, que você não gostava nem de emprestar, serão queimados, jogados fora sem a menor cerimônia. Alguns de um pouco mais  valor, alguém até  irá ficar com eles ou talvez doá-los. Mas o mais certo é que vendam no bazar mais próximo, para garantir um troco extra.
🔷 Suas chaves
🔷 Seus livros
🔷 Seus CDS
🔷 Suas malas
🔷 Seus sapatos
🔷 Suas roupas...

 - Se sua família for inteligente e solidária os doarão o que não servir para ser vendido em uma suposta  caridade para que possam posar de bonzinhos.

📱 E o seu celular, tão cheio de segredos e senhas, estará lá nas mãos de todos, que verão as suas conversas secretas, seus sites, e tudo o que você tanto esconde lá...

 E tenha certeza: 
O Mundo não vai parar para chorar por ti.

🔹 A economia vai continuar.

🔹Em seu trabalho, serás substituido(a) outra pessoa com as mesmas capacidades  assumirá seu lugar, ou até mais competente e jovem do que você.

🔹Seus " Bens"  irão para seus herdeiros. 

🔹 A sua cama talvez nem seja substituída... Como a vida vai continuar normalmente, a viúva ou o viúvo logo poderá por outra pessoa no seu lugar sobre a sua cama...

 E considerando que você continuará a ser:  Citado, julgado, questionado ( seu nome continuará por algum tempo na boca dos que gostam de falar da vida alheia)
 sobre todas as pequenas e grandes ações em vida. Mas principalmente sobre as falhas que cometeu em vida... 

Haverá 3 tipos de "LUTO" sobre ti:

- As pessoas que te conheciam apenas pelo valor da face dirão : 
"Pobre Homem! / Mulher!"

Seus amigos vão chorar por dias,  ou no máximo horas, mas depois retornarão ao riso. Alguns aproveitarão até mesmo o velorio, onde reencontrarao conhecidos que já não viam a muito tempo,  para conversar bastante e até contar umas boas piadas, causando risos e dizendo que você ia gostar de ver todo mundo alegre e rindo no seu velório...

 Aqueles "amigos" que te encorajavam a peca, e fazer coisas erradas,  vão esquecer de ti mais rápido, e logo estarão incentivando outra pessoa a cometer os mesmos erros.

Seus animais serão doados, se apegarão ao novo dono, e aos poucos sua lembrança será apagada.

Suas fotos:
"por algum tempo" ficarão penduradas numa parede, ou  sobre algum móve, ou expostas nas redes sociais...
Mas logo serão guardadas/ esquecidas,  em caixas, ou no fundo de uma gaveta, e o seu perfil no Facebook ganhará a frase ',IN MEMORIAN'  até desaparecer por completo...

Seu sofá, mesa, ou cadeira preferidos, certamente serão doadas. 
Ou... Queimadas... Talvez ocupados pela pessoa que durmira na sua cama, com seu marido ou sua esposa que continuará muito vivo(a)...
 
A dor "profunda" na sua casa durará uma semana, duas, um mês, dois... 
E  disso sua família vai te adicionar apenas 
às memórias deles.

É aí que sua morte causará inimizade e muitas brigas na partilha dos seus bens... E olha lá se não causar mais mortes.

E então, sua história aqui, terminou...

Terminou para este mundo, entre as pessoas.
Mas a sua história com a sua nova realidade, começa. 
E essa realidade, é a vida (após a morte.)

E estas coisas ficarão  para trás:
🔷 Corpo 
🔷 Beleza
🔷 Aparência 
🔷 Sobrenome 
🔷 Conforto 
🔷 Crédito 
🔷 Status 
🔷 Posição 
🔷 Conta bancária 
🔷 Casa
🔷 Carro
🔷 Profissão 
🔷 Carreira
🔷 Títulos 
🔷 Diplomas
🔷 Medalhas 
🔷 Troféus 
🔷 Amigos
🔷 Lugares
🔷 Cônjuge
🔷 Família...

E lá, do outro lado, nenhuma destas  coisas lhe fará falta ou terá valor algum, de nada, lhe  servirá.

Por isto, guarde o seu ❤
 
Cuide:
🔷 Do seu Espírito.
🔷 Da sua vida com Deus.
Da sua alma.
É ela, que sofre e sente dores.
🔷 preserve em si a essência dele.
🔷 Faça o bem.
🔷 Perdoe.
🔷 Seja justo.
🔷 Busque-o.
🔷 Siga-o.
🔷 Ore, fale com ele.
🔷 Aprenda sobre ele.
🔷 Pratique o que ele ensinou.
🔷 E afaste-se de qualquer ato que desagrade a ele, ao nosso Senhor 
(#JESUS #CRISTO ).
Breve ele virá 
E tudo aqui para trás ficará.

Mas lá você vai se deparar com Jesus... 
Se seu nome estiver no Livro da vida, bom para ti será. .. pois vai para o paraíso, Seio de Abraão,estará salvo passará a eternidade com Deus.

Mas, se seu nome não estiver escrito no livro da vida...

Estarás em tormento até o julgamento final, onde ouvirá: APARTAI-VOS DE MIM, ÓH MALDITOS, PARA O FOGO ETERNO" e ali será lançado jutamente com o Diabo e seus anjos...
Para sempre! Eternamente.. .

🤎💜💙 Então aproveite que ainda vive, e viva com Deus, o sirva, recebendo  a Cristo como Salvador e servindo a Ele, obedecendo a Palavra de Deus!
Hoje é tempo de salvação para você!

03/03/2021

A dor do Luto

Acordar. Respirar. Pensar. Existir. Não há um verbo que não doa durante o luto. Talvez dormir alivie, que é quando a dor adormece. Mas ai vem o momento em que o medo desperta: será preciso enfrentar o dia seguinte.

Perder quem amamos  ou consideramos é morrer um pouco, mesmo que o coração insista em bater. O luto nos torna um lugar ruim. Queremos fugir de nós mesmos, emprestar outra vida, perder a memória, trocar de papel. Qualquer coisa que nos tire a dor com a mão, que nos salve do horror de sentir que alguém foi amputado de nós. Não há alívio imediato.

A morte é uma verdade disfarçada de absurdo. Não se arrepende, não volta atrás, é desfecho. O verdadeiro “para sempre”. É telefone que não toca, silêncio que ensurdece, pesadelo que não acaba, falta que jamais deixará de ser.

Enlutar-se é se mudar para uma espécie de cela blindada, da qual saímos somente para intermináveis e dolorosos banhos de sol. Uma solitária para a qual queremos voltar logo – embora triste e sombria, ela ainda é o lugar onde nos sentimos menos desconfortáveis.

Eu me lembro, em meus momentos de luto, de vagar pela cidade como numa cena sem áudio. E olhava ao redor e me perguntava com que direito as pessoas sorriam, se dentro de mim as luzes estavam apagadas. É assim até que a gente se acostume. A morte se repete muitas vezes. Ao acordar, está lá a morte de novo. A cada lembrança, outra morte. Até que nós mesmos morremos também — e isso demora, pois cada minuto no luto se torna uma eternidade .

O que mais dói no luto é não conseguir que as pessoas sintam a dor de nosso luto. Falamos compulsivamente, tentando contaminar os outros com nossa dor, e fazemos isto até que as pessoas também chorem conosco. Só que elas choram  mais as suas dores de seus próprios lutos,  é verdade, mas isso também é empatia. E quando cada momento latente de falta se transforma em um texto delicado, quando as palavras conseguem fazer o outro vestir a minha dor, a tristeza vira alegria: que alívio nos sentirmos compreendidos. Numa espécie de alquimia incidental, transmuta mostra a dor em sorriso.

Veja você como a vida é chegada numa ironia: o luto é praticamente um parto. É preciso reaprender a viver sem a pessoa que se foi, como quem nasce de novo – e quem permanecerá o mesmo? Viver o luto é renascer – e nascer é exercício solitário. É preciso olhar o mundo novamente e re-conhecer-se diante dele.

Mas, como criança que cresce, o luto demanda tempo. Enquanto isso, não sai por aí despertando sorrisos. Num mundo programado para a felicidade, o luto constrange. Abre um hiato de mal estar. A morte é certeza demasiado espinhosa para que se toque nela com naturalidade.

O momento menos solitário talvez seja a primeira semana, o primeiro mês, enquanto duram os rituais de despedida. Passam-se alguns dias e todos retomam suas vidas. Ninguém mais quer falar sobre isso. A não ser o próprio enlutado, que não quer falar de outra coisa. Agora é que a dor vai começar. E parece que não vai parar nunca. Talvez fique para sempre mesmo: a perda vai se alojando no corpo, como uma bala encapsulada, até não incomodar mais. Com paciência, o tempo muda os afetos de lugar. Passa a morar em mim quem se foi.

E então a dor me leva a outros lugares. Abre meus olhos, me ensina a mudar de assunto. E assim, distraidamente, vai me mostrando a vida de novo – agora outra, porque sempre é tempo para mudar.

A perda pede recolhimento como um pós-operatório, ou reincide. A ferida se abre de novo. É preciso respeitar o luto (e entregar-se a ele, sem medo) até que chegue sua hora de ir embora. Cada um descobre sua forma de colocar a dor para trabalhar em outra direção. A falta pode ser, então, bastante reveladora.

Quando pequenos, aprendemos com os livros infantis. Depois de adultos, as pessoas que se vão passam a nos fazer pensar sobre nossas vidas. Lembram-nos a urgência de amar quem está vivo e perto. E ensinam que fazer escolhas não precisa ser tão sofrido, nem carece do peso da certeza de ser para sempre. Nenhum de nós é para sempre.

A vida é curta, sim. Não vem com prazo de validade nem traz garantias. Cada fim de ano, por exemplo,  é oportunidade única para afetos reunidos – riso e choro, inclusive. Comemore. Mesmo com um lugar vago à mesa, a família está ali. O peru está de dar água na boca. As crianças correm lá fora. O brinde à vida não pode esperar.

14/12/2020

Homenagem ao Pastor Salatiel Fidelis - Nosso amado pastor

 

Chora o rebanho que Jesus um dia,

com bondade extrema lhe entregou;

com grande alarido seu coração dedicado então dizia:

Cumpres bem o teu ministério, lutando noite e dia!


Incansável eras no Bom combate,

fostes sempre pronto para servir a Cristo,

e como Deus se agradava disto!

Cheio o seu surrão, pronto o seu cajado,

Suarento ao sol, friorento ao Luar,

a subir montanhas e a passar valados,

caminhava em caminhos por outros rejeitados

Sempre teve Deus ao seu lado,

enquanto tu conduzias seu rebanho tão amado,

Sob a graça eterna, sob o divino cuidar...

Fostes fiel com a graça que Deus havia lhe dado!



Fostes jovem servo dedicado,

diligentemente levando a frente o seu chamado.

Tendo envelhecido comas  serras brutas,

onde nascem as murtas,

onde medra a flor...

Assentado em pedras ou dormindo em caminhos,

mesmo ferido pelos espinhos,

repousastes seguro como Águia  em seu ninho!

Aprendestes a ser hóspede da hospitalidade de seu povo,

conquistado pela sua incansável pregação,

servos que por tuas mãos foram batizados,

Filhos do teu coração!


Cumpristes o ide exemplarmente,

e mesmo sem cessar as mais terríveis lutas,

trabalhastes servindo fielmente...

Coração sempre apaixonado,

pelo santo rebanho do seu Senhor amado!


Com lágrimas e dedicação, criastes uma linda história,

onde a fé sobrepõe-se sobre todas as ardis ciladas,

tendo sido perseverante em sua trajetória..;.

Chorastes lágrimas que marcaram sua geração!

Vivestes para Deus e sua obra

sem ceder a qualquer tentação,

Seu nome foi coroado por Deus com sua glória!


Inimigos covardes acreditaram que tinham lhe vencido,

porém nunca lhe viram derrubado na fé...

sempre firme e nunca de pernas quebradas,

a bandeira do Espirito alvorou a sua vitória,

Não existiu quem parasse a sua história!

Antes de partires, vimos contigo a fidelidade de Deus,

o que tanto pregastes e ensinastes se cumpre em sua própria carreira,

como promessa que no fim de teu ministério se cumpriram

Justiça Deus realizou!

Vergonha são hoje os inimigos teus!


Agora, meu pastor, onde estás?

Certamente em meio aos campeões de Jeová

Saudades eternas e um legado precioso é a nossa herança...

O púlpito é vazio sem sua presença

sinto-me surdo por não ouvir a sua voz de trovão

brando aquele saudoso aleluia,

como dói a saudosa lembrança!


Aquele que pede a Deus com fidelidade, alcança...

Eu me lembro como se fosse ontem,

a triste despedida,

bem ali na tristinha tumba,

meu pensamento distante, e eu ali de pé..

As lágrimas dos que te amam caindo uma a uma...

Lá se foi o nosso guerreiro de fé!

Sem seu afago maior..

me senti como filho sem pai,

enquanto eu chorava a tua partida,

ouvi lá os anjos celebrando sua chegada...

Pedi, então a Deus, que nesta vida,

me ensine a ter a mesma jornada!

Sinto-me minúsculo diante da tua grandeza,

o que são as minhas luas mediante as suas infinitas batalhas?

A saudade gera tristeza,

mas seu exemplo me dá firmeza!

Por aqui, já não lhe verei mais... 

a sua sala aqui ficou vazia!


Campeão, agora descansa nos braços de Deus,

ai neste lindo paraíso!

Até breve, ilustre tutor...

Aprendi contigo a grande lição:

honestidade é a base da verdade

Ministério é a nossa vida!

Fé é a nossa arma,

a honra é o principio da prosperidade!

Choraremos sempre a tua ausência,

inesquecível amigo que se foi,

jamais esqueceremos a sua essência!





04/12/2020

O PROBLEMA DA IGREJA NÃO SÃO OS LOBOS, SÃO OS BODES!

 



Ez 34:17 E quanto a vós, ó ovelhas minhas, assim diz o Senhor DEUS: Eis que eu julgarei entre ovelhas e ovelhas, entre carneiros e bodes.

Mt 25:32 E todas as nações serão reunidas diante dele, e apartará uns dos outros, como o pastor aparta dos bodes as ovelhas.

·         INTRODUÇÃO:  

Pastorear ovelhas não é tarefa fácil. O pastorado requer do ministro, além do chamado (vocação), um cabedal de amor, humildade e servilismo. Todavia, existe também o grande desafio de discernir no meio do rebanho os bodes e mantê-los o mais longe possível das ovelhas.

Quanto aos lobos, eles são os inimigos naturais das ovelhas. Por isso, o pastor sabe que estar sempre alerta e proteger suas ovelhas contra os lobos são de praxe vocacional. Então, você pergunta: Quem são os lobos? Pergunta de fácil resposta. Os lobos são os falsos mestres que dividem a Igreja e matam os cristãos incautos. "Eu sei", disse Paulo aos anciãos de Éfeso, "que, depois da minha partida, entre vós penetrarão lobos vorazes que não pouparão o rebanho. E que, dentre vós mesmos, se levantarão homens (bodes) falando cousas pervertidas para arrastar os discípulos atrás deles. Portanto, vigiai. (os bodes, no texto acima, são observação pessoal do autor deste artigo)

John Stott, diz: Não foi por menos que Jesus comparou esses mestres com lobos vorazes, não tanto porque fossem gananciosos, ávidos de prestígio ou de poder (embora geralmente o sejam), mas por serem "selvagens" (BLH), isto é, extremamente perigosos (Mt 7:15).

Todavia, considero os bodes ainda mais perigosos que os lobos; pois, os lobos precisam se infiltrar, mas os bodes não, estes já estão dentro do rebanho. Os bodes são, por natureza, briguentos, sensuais e demasiadamente malcheirosos; portanto, considerados símbolo de homens desordeiros, profanos e impuros. Tais homens são essencialmente egoístas, e o egoísmo flui deles de maneira natural. Os bodes representam na Bíblia os não eleitos, os réprobos, os infiéis que estão, assim como o populacho no êxodo de Israel do Egito (Nm 11:4), infiltrados no meio do povo de Deus. Os bodes apresentam-se no meio do rebanho como cristãos genuínos, mas em seus corações não existe amor, compaixão, e qualquer senso de coletividade. Amam apenas sua própria companhia, não desejam compartilhar com ninguém, são espirituais demais aos seus próprios olhos, e assim como os falsos lideres de Israel na época de Ezequiel, são extremamente auto-centrados, egoísta, exigentes, e letais as ovelhas de Cristo.

Eu sou pastor de ovelhas e faço meu trabalho de forma bíblica, mas por melhor que eu seja ainda faço meu trabalho imperfeitamente. Quando procuro administra o rebanho do Senhor com uma nutrição saudável, atenção dobrada, assistindo-os e preservando-os dos lobos vorazes (falsos profetas), ainda tenho que vigiar os bodes, não permitindo que os bodes se misturem com as ovelhas. Por isso:

·         Devo sempre encontrar o caminho dos bodes, e usar os meios apropriados para livrar as ovelhas de suas ameaças.

 

·         Devo procurar impedir a ovelhas de vaguear com os bodes, e, quando alguma ovelha vagueia, emprego todos os métodos apropriados para trazê-la de volta.

 

·         Devo como fiel pastor separa a ovelha dos bodes a fim de preservá-las dos ataques das doenças, administrando prevenções e remédios para as moléstias que os bodes trazem para contaminar o rebanho.

 

·         Todavia, tenho um grande problema que desejo ressaltar neste artigo. Os pastores têm autorização para matar os lobos, mas não os bodes. Os bodes podem no máximo ser separados. Pois apenas no julgamento final é que Deus deixa claro que não só liber­tará as ovelhas dos bodes, mas governará com juízo, quer dizer, haverá uma plena manifestação de sua discriminação e administração Pastoral.

 

Quanto às ovelhas, elas são consideradas emblema de ternura, simplicidade, inocência, paciência e utilidade. Os povos escolhidos, como nações ovelhas, serão os que foram benevolentes e capazes de uma bondade genuína que deles fluía de maneira natural e espontânea. Por serem essencialmente bondosas e exteriormente atuantes, em razão da sua fé interior, essas pessoas serão então recompensadas pelo Grande Pastor. Observando os versículos 15-16, essa recompensa é apre­sentada nas seguintes promessas.

1.       "Eu, eu mesmo, procurarei [...]

2.       E as buscarei [...]

3.       Livrá-las-ei [...]

4.       Tirá-las-ei [...]

5.       E as farei vir [...]

6.       Trarei à sua terra [...]

7.       E as apascentarei [...]

8.       Deitar-se-ão numa boa malhada [...]

9.       Ligarei [...]

10.   Fortalecerei".

Na figura que o profeta Ezequiel usou para com as ovelhas e os bodes, os dois lados correspondem a dois veredictos contrários. A igreja contemporânea não enxerga que está chegando o Dia do Juízo Final, onde todas as pessoas de todas as nacionalidades, todas as ovelhas e bodes, serão julgados com extrema severidade e justiça.

 

I.Repreensões aos Bodes guias.  (1-2)

 

Quem são estes pastores que Ezequiel condena. Temos três escolas de interpretações:

1.   Os Literalistas.

Primeiro, alguns afirmam que a interpretação é literal do texto, mas essa interpretação negar a existência de muitos figuras de linguagem no discurso. Em Ezequiel 34, por exemplo, os literalistas não reconhecem a palavra "pastor", como uma figura do discurso, conclui-se que Deus estava falando de pastores de ovelha e não dos lideres de Israel. 

2.   Progressistas, Dispensacionalista:

Este segundo grupo de intérpretes considera o valor literal do texto, mas tentam reconhecer os valores de discurso que ocorrem no mesmo, bem como a compreensão dos leitores original,  a histórica perspectiva, pistas contextuais, o progresso da revelação, a analogia da fé, etc. Eles tentam descobrir o que os leitores originais entenderam quando lêem o texto como uma base para compreender a mensagem original. Muitos intérpretes neste grupo gostam de usar o termo "normal" para descrever a sua hermenêutica (princípios de interpretação). A maior parte destes intérpretes é também pré-milenistas.

3.   Biblistas, Reformados.

Um terceiro grupo interpreta o texto de forma mais profético, é essencialmente simbólico e figurativo, a não devem ser interpretados de forma literal ou “normal”. Eles dependem do Novo Testamento para compreender o significado do Antigo Testamento, e vice e versa. No N.T. ao lerem a revelação, estão sempre indo e voltando nos Testamentos, como que buscando uma interpretação mais viável. Eles entendem, por exemplo, algumas das referências a bênção de Deus sobre Israel no futuro, de Ezequiel 34, como cumprida em Jesus Cristo. Eles não procuram uma escatologia com cumprimentos futuros dessas promessas nos judeus.

·         No que diz respeito à profecia de Ezequiel, os biblistas estão certíssimos em afirmarem que Jesus Cristo cumpriu perfeitamente as exigências do texto canônico. Observe:

1.       O Pastor deve ser comissionado pelo próprio Deus de Israel (Ezequiel 34:23, 29).

2.       O Pastor será o Grande Pastor das ovelhas. Ele fará pelo rebanho o que ninguém mais poderia fazer. Ele reunirá em Seu rebanho os judeus e os gentios.

3.       O Pastor é o servo mais excelente de Deus, contratado por Ele e para Ele, o Pastor fará tudo em obediência a Deus. Com o olhar na eternidade o Pastor estabelecerá o Reino de Deus entre os homens.

4.       O Pastor é chamado de Davi (amado de Deus), pois seu coração é segundo o coração de Deus. Jesus é o leão de Judá, o Filho de Davi, o Rei de Sião.

 

Os pastores no texto representam os governantes de Israel. O rei, os anciões e os sacerdotes permitiram que o povo se dispersar-se sobre a terra, em vez de mantê-los com segurança em conjunto. Ezequiel mostra que eles foram negligentes em suas funções administrativas: negaram a justiça, negaram o amor, negaram a verdade, e, por isso, devem ser removidos de seus cargos. A responsabilidade primária de um líder é para cuidar das necessidades das pessoas que ele conduz, mesmo se isso exige sacrificar seus próprios desejos.

Os líderes religiosos de Judá tinham falhado redondamente em não satisfazer as necessidades do povo do Senhor, mas Deus prometeu um Pastor (Jesus).Além disso, Deus prometeu vingar o seu povo (ver capítulo 35), renovar a sua fortuna, perdoar e limpar as suas iniqüidades e contaminações (ver Capítulo 36 de Ezequiel), e revitalizar-los (ver capítulo 37). Yahweh seria novamente, o seu Deus, e eles seriam o seu povo (Ver 37:27-28).

Não devemos ser juízes de ninguém, também não devemos ser uns tolos e facilmente enganados. Há meios de se reduzirem os riscos quando estamos lidando com os bodes, pois eles são facilmente identificados pelos resultados morais de sua existência.

·         Os bodes não possuem obediência. (Zc 10:3)

·         Os bodes não possuem submissão alegre e espontânea. (Dn 8:8)

·         Os bodes não possuem fidelidade e dedicação. (Mt 25:33)

·         Os bodes não possuem amor pelas ovelhas. (Ez 34:21)

·         Os bodes não possuem senso de coletividade. ( Dn 8:5)

·         Os bodes não possuem compreensão das limitações e fraqueza das ovelhas. (Ez 34:21)

·         Os bodes não possuem integridade moral. (Dn 8:21)

·         Os bodes não possuem saúde espiritual. (Dn 8:8b)

O bode que o profeta Daniel abordava em suas visões era Alexandre, O Grande. Homem de filosofia hedonista e extremamente orgulho e arrogante, Alexandre tombou no ápice do seu império. Quanto aos bodes de Ezequiel, eles simbolizam os reis, sacerdotes e anciões ímpios de Israel, bem com todos aqueles que seguiam suas praticas libertinas].

Enquanto a igreja estiver aqui na terra, ela será sempre mista, contendo ovelhas, a saber, os santos, e bodes, os hipócritas. Para os olhos não treinados, os bodes passam despercebidos no meio das ovelhas, mas certamente existe uma diferença gritante entre ambos. Os bodes revelam as suas impiedades, indisciplinas e rejeitam qualquer senso de coletividade. Portanto, cabe ao pastor realizar seu trabalho em tempo hábil e de forma espiritual; apartando os bodes do rebanho evitando assim as contaminações e perdas. O pastor não precisa tornar-se paranóico com relação aos bodes, os bodes no meio do rebanho, infelizmente, continuaram a existir no meio do rebanho até o Dia do Juízo, mas existem ocasiões onde os bodes se tornam tão salientes que devem ser, rapidamente, separados do rebanho.

 

Martinho  Lutero: No “Regnum Christi” (trigal e rebanho do Senhor), existem joio e bodes, havendo possibilidade de serem a maioria.

 

II.       As Acusações contra os bodes guias. (3-4)

 

·         Deus fará um julgamento do rebanho.

1.       Juízo Pessoal: Eu, eu mesmo...

2.       Juízo Definitivo e irrevogavél; Julgarei...

3.       Juízo Justo; “exterminarei...”


§  Deus expõe os pecados

.

·         3 Comeis a gordura – o pecado da exploração

·         E vos vestis da lã; o pecado da extorsão.

·         Matais o cevado; - o pecado da opressão

·         Mas não apascentais as ovelhas; - o pecado da omissão (6 vezes aparece no texto a palavra “não”, enfatizando o caráter maligno dos lideres judaicos).

·         4 As fracas não fortalecestes; o pecado da negligencia.

·         E a doente não curastes – o pecado da exploração e abuso

o   E a quebrada não ligastes-

o   E a desgarrada não tornastes a trazer; o pecado da incoerência.

o   E a perdida não buscastes;

·         Mas dominais sobre elas com rigor e dureza; - o pecado da tirania

5 Assim se espalharam, por não haver pastor, e tornaram-se pasto para todas as feras do campo, porquanto se espalharam.  6 As minhas ovelhas andaram desgarradas por todos os montes, e por todo o alto outeiro; sim, as minhas ovelhas andaram espalhadas por toda a face da terra, sem haver quem perguntasse por elas, nem quem as buscasse.

O re­sultado das transgressões ativas e passivas dos governantes de Israel foi o cativeiro e depois a dispersão do rebanho. As dez tribos do Norte tornaram-se peregrinas nas terras da Assíria, e as duas do Sul foram dispersas na Babilônia e no Egito, separadas do remanescente que fi­cou na terra desolada. Contudo, mesmo espalhados por toda parte, o Onisciente sabia onde estava cada uma de suas ovelhas.

Deus deixa claro que não só liber­taria, mas governaria também. "Apascentá-las-ei com juízo", quer dizer, haveria manifestação de sua discriminação e administração. Ele impediria que os fortes pisassem nos pastos e machucassem os fracos. Os opressores opulentos seriam conde­nados, e os pobres humilhados seri­am enriquecidos.

 

III.       Promessa: Davi será o Pastor (23-31).

Davi foi le­vantado por designação divina, não apenas como governante bom e bene­volente, mas como cabeça da teocracia e como ancestral de Jesus Cristo se­gundo a carne. Davi tipificava o Pas­tor misericordioso e sublime que efe­tuaria de modo perfeito os propósitos de Deus. Na plenitude dos tempos, o Filho do grande Davi, maior que ele, surgiu como o Bom Pastor e deu a vida pelas ovelhas; mas, como os gover­nantes judeus o rejeitaram, o povo de Israel foi espalhado mais ampla e ter­rivelmente do que antes.

O Dr. Herbert Locker, comenta: Depois de reprovar severamente a negligência dos nomeados para cui­dar do rebanho, Deus promete susci­tar um pastor, uma planta de reno­me, que fielmente desempenharia todos os seus deveres e faria jus à confiança nele depositada (Ez 34:2-16,23,24). O termo pastor veio a ca­lhar para Davi na qualidade de "governante", por ser tipo do verda­deiro Davi (Ez 34:22,23). O filho de Jessé foi transferido do ofício de pas­tor para o de rei. Sua nova função, como fazia antes com o rebanho, era defender e apascentar seu povo (2Sm 5:2; SI 78:70,71). "Pastor significa rei, não instrutor religioso", diz Jamieson, "por isso Cristo foi acima de tudo o verdadeiro Davi, por ser o Pastor-Rei (Lc 1:32,33). O Messias é chamado 'Davi' em Isaíás 55:3,4, em Jeremias 30:9 e em Oséias 3:5". Esse grande capítulo se encerra com a absoluta certeza de que o povo escolhido de Deus será o seu rebanho, e ele, o seu Deus (Ez 34:31). Esse pastor-rei es­tabelecerá o seu reino e, sob o seu comando, haverá paz, provisão e pro­teção. Seu rebanho desfrutará dos re­cursos divinos, suficientes para satis­fazer as necessidades de todos, além do cuidado e da vigilância ininter­ruptas do Senhor.

 

Conclusão:

Este capítulo de Ezequiel descreve Jesus como nosso Pastor. Ele nos ama, nos alimenta, alimenta, e resgata os perdidos (cf. Lc 19,10; João 3,14-16; 1 Timóteo 1:15). A igreja está cheia de pessoas doentes, fracas e sem maturidade, suas necessidades são diversificada. Nossas responsabilidades como pastores e lideres do rebanho é atender a chamada de Deus em tempo hábil (Isaías 55,6; Mt 7,7). Jesus demonstrou ter o maior cuidado ao ser o nosso Bom Pastor: Ele estava disposto a dar Sua vida pelas suas ovelhas (Jo 10.15-18). Ele fortaleceu espiritualmente as ovelhas que se encontravam doentes e levou cura aos seus discípulos atormentados pela tirania dos seus próprios pecado. Cito dois exemplos: a cura da filha de Jairo (Mc 5:41); Jesus a chama de cordeirinha- as palavras "Talita Kum" säo em aramaico, língua falada na Palestina no tempo de Jesus, quer dizer: cordeirinha levante. Ou quem não lembra da restauração de Pedro após negar Jesus três vezes. O anjo disse: Mas ide, dizei a seus discípulos, e a Pedro, que ele vai adiante de vós para a Galiléia; ali o vereis, como ele vos disse. (Mc 16:7-8) Pedro ver o Senhor depois de  sua infidelidade, desespero, incredulidade e dureza de coração, significa ficar indizivelmente alegre.  ressurreição em gloria de Jesus continha a ressurreição e preservação da vida e vocação daquele pescador de almas e de todos os seus cordeirinhos.  

Nossa esperança está nas Escrituras que diz: o Filho do Homem "enviará os seus anjos" sobre toda a terra, "os quais ajuntarão os seus escolhidos desde os quatro ventos, de uma à outra extremidade dos céus" (Mt 24.31). E o próprio Senhor virá com nuvens na sua glória e na glória de seu Pai, com dez mil dos seus santos, miríades de anjos, e se assentará no trono da sua glória. "E todas as nações serão reunidas diante dele, e apartará uns dos outros, como o pastor aparta dos bodes as ovelhas. E porá as ovelhas [os bons] à sua direita, mas os bodes [os maus] à esquerda" (Mt 25.32.33). Concernente a esta assembléia geral, o discípulo amado fala: "E vi os mortos [todos os que morreram], grandes e pequenos, que estavam diante do trono, e abriram-se os livros [expressão figurativa, referindo-se ao modo de proceder entre os homens]. E abriu-se outro livro, que é o da vida. E os mortos foram julgados pelas coisas que estavam escritas nos livros, segundo as suas obras" (Ap 20.12).

Postagens populares

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Ao redor do mundo...

♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥

MENSAGENS DO MILTON RABAYOLI

FIQUE A VONTADE... SINTA-SE COMO SE ESTIVESSE EM SEU PRÓPRIO BLOG...

♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ E VOLTE SEMPRE! ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥