Para a glória de Deus!

Para a glória de Deus!

23/11/2017

O VERBO SÊ SE FEZ CARNE

E o Verbo se fez carne, e habitou entre nós, cheio de graça e de verdade; e vimos a Sua glória, como a glória do unigênito do Pai. (João 1:14)

Quem é o Verbo? Versículo 1 diz: “O Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. E no versículo 14 diz: E o Verbo se fez carne e habitou entre nós . . . e nós vimos a Sua glória “. O Verbo se fez carne, e habitou entre nós, sem renunciar nenhuma da Sua glória.

João quer que nós entendamos que Jesus é Deus em carne humana. Mateus e Lucas nos dão as características históricas e João nos dá os elementos celestiais e as características sobrenaturais. A mensagem é sobre a divindade de Cristo. 

Nestas poucas palavras “e o Verbo se fez carne”, vemos a declaração resumida da encarnação – Deus tornando-se homem. O Eterno se tornou finito. O Eterno entrou no tempo. O Invisível se tornou visível.

“O Verbo” em grego significa ‘logos’ e para a mente do grego, logos era a força mais poderosa do universo. Era poder criativo, fonte de sabedoria, conhecimento, inteligência, e João está dizendo que esta é uma pessoa e Ele se tornou um homem, Deus que veio ao mundo através do menino Jesus.

Para o Judeu, a Palavra teve até mais significação já que o Verbo ou Palavra do Senhor era muito familiar para eles. O Verbo do Senhor foi simplesmente Deus revelando-se, Sua pessoa, Sua natureza, Sua vontade, Sua sabedoria, Sua verdade. João está dizendo que a revelação de Deus e a manifestação de Deus agora está encarnado. A expressão da natureza de Deus, a vontade, a sabedoria, a verdade está personificada. É por isso que Hebreus 1 diz: “ Deus antigamente falado muitas vezes, e de muitas maneiras. . . , nestes últimos dias a nós nos falou pelo Filho.” Deus está sendo revelado em Cristo.

Ele assumiu humanidade e “esvaziou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, tornando-se semelhante aos homens” (Filipenses 2:7). “Ele participou da carne e sangue” (Hebreus 2:14). E Ele viveu entre nós por trinta e trez anos.

João não somente fala da pré-existência de Cristo, mas Ele fala da co-existência de Cristo: “No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus” (João 1:1 ). Ele está com Deus e é Deus. Aqui, vemos claramente o mistério da Santíssima Trindade. Ele é distinto do Pai, tendo comunhão cara-a-cara com o Pai, e ainda é totalmente Deus como o Pai é. Como lemos em Colossenses 2:9: “Nele habita corporalmente toda a plenitude da divindade.” Ele é Deus tanto quanto Deus é Deus e nós precisamos entender que o Verbo não é um atributo de Deus. O Verbo não é uma mensagem de Deus. O Verbo não é uma emanação de Deus. O Verbo não é uma criação de Deus. O Verbo é Deus. Ele é uma pessoa com Deus e uma pessoa que é Deus. Jesus tem a mesma natureza e essência como Deus.

Quando pensamos sobre o nascimento de Jesus nos damos conta de que o próprio Deus, Deus o Filho que está eternamente com Deus existia antes de qualquer coisa, e veio a esta terra para restaurar o relacionamento que Adão rompeu no jardim. Ele era o Verbo feito carne. Ele foi a luz que veio ao mundo e Ele ilumina todo homem que O procura e O encontra.

Assim, o preexistente, coexistentes, auto-existente Deus, o Verbo se fez carne e habitou entre nós e a luz da glória de Deus estava brilhando no meio de um mundo escuro.

O Verbo não é apenas o Criador do mundo material, mas do reino espiritual. O Verbo feito carne habitou entre nós, morreu por nós e ressuscitou em nosso lugar, para fornecer o perdão dos pecados e a salvação eterna. Quando O aceitamos como nosso Salvador e Ele se torna o Senhor de nossa vida, nos tornamos Seu filho e sua nova criação, criado em Cristo Jesus para boas obras. (Efésios 2:10)

Que a verdade da Palavra de Deus capture cada coração a ponto de que nós estimemos o nome do Senhor Jesus, a plenitude de quem Ele é, e o que Ele fez para nós.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esta postagem realmente é muito forte, sendo assim, te convido a ler e meditar no seu conteúdo e depois, peço-te, deixe ai seu comentário, sua crítica, seu recado, sua opinião... E compartilhe em sua rede social.
Pois assim você estará me ajudando a melhorar este espaço!
(1)Reservo o direito de não públicar criticas negativas de "anônimos". Quer criticar e ter a sua opinião publicada? Identifique-se.
(2) Discordar não é problema. É solução, pois redunda em aprendizado! Contudo, com educação. Sem palavrão! (3) Ofereça o seu ponto de vista, contudo, a única coisa que não aceitarei é esta doutrina barata do “não toque no ungido” do Senhor. não venha me criticar por falar contra aqueles que penso serem enganadores e falsos profetas.
Sinta-se em sua casa! Ou melhor, em seu blog!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Ao redor do mundo...

♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥

MENSAGENS DO MILTON RABAYOLI

FIQUE A VONTADE... SINTA-SE COMO SE ESTIVESSE EM SEU PRÓPRIO BLOG...

♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ E VOLTE SEMPRE! ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥