Para a glória de Deus!

Para a glória de Deus!

30/05/2013

O ESPÍRITO DE DOEGUE, O FOFOQUEIRO (1 Samuel 22:1-23)



Certo dia, ouvi uma pessoa dizer algo interessante no tocante a boatos que se ouve, comentários inflamatórios, e fofocas: ele disse assim: “Temos de tomar cuidado, pois não é somente o peixe que é pego pela boca... nós também podemos matar e morrer por causa da boca, isto é, a língua”. Fiquei a refletir sobre essa verdade e Deus me fez lembrar que esse ditado é, uma verdade Bíblica. O texto acima baseia-se na história de Davi quando este, logo após matar o gigante Golias, se viu numa situação difícil devido à fofocas e boatos inventados, aumentados e dissimulados por um homem essencialmente maligno conhecido como Doegue o edomita, mas que eu, aqui, quero chamar de Doegue, o Fofoqueiro.
Já era do conhecimento de todos em Israel, que Saul não iria ficar muito tempo no trono, visto que já tinha sido reprovado por Deus, e Davi, por sua vez, conquistou a admiração do povo devido à sua coragem e amor por esse povo. Porém seus inimigos não estavam satisfeitos com sua aprovação, e alguns no decorrer de sua trajetória instigaram o povo contra Davi, levando mentiras, comentários e fofocas, na intenção de destruir o servo de Deus.
O mal causado por Doegue, o fofoqueiro não atingiu somente Davi, mas atingiu oitenta sacerdotes, homens inocentes, que ao precisavam morrer, mas foram assassinados por ordem de Saul que temia uma rebelião. Saul buscava os homens que seguiam Davi, e já havia tentado matar Davi em outras ocasiões. Ele com medo de perder o trono, oferece benefícios a quem delatar esses homens e mencionar o esconderijo deles (v. 6-8), temendo uma armadilha. É aqui que entra o fofoqueiro Doegue. Ele diz: “sei onde Davi passou, e quem estava com ele” (v. 9), e aumenta: “Davi pediu Aimeleque,seu companheiro que consultasse os sacerdotes de Nobe e fizesse previsões a esses sacerdotes e todos eles (80 homens) compareceram, e estão aqui, oh Rei.” (v. 11).
Por causa dessa fofoca e desses comentários inflamatórios o rei Saul ordena a execução de 80 sacerdotes do Senhor (v.17-18). E estrago causado pela fofoca de Doegue foi grande. Oitenta homens inocentes morreram por causa disso, juntamente com Aimeleque e sua família. Somente Davi e um dos filhos de Aimeleque chamado Abiatar, que fugiu escaparamm dessa execução.
Essa história nos ensina algumas lições que eu e você precisamos aprender, a nos resguardarmos do Espírito de Doegue, o Fofoqueiro:
1) A FOFOCA É MOTIVADA POR UM SENTIMENTO DE EGOÍSMO E AMBIÇÃO. (v. 6 e 7).Doegue entregou e inventou injúrias para que somente ele recebesse o prêmio prometido por Saul. O fofoqueiro quer tudo para si, todas as atenções, toda a Glória e se utiliza da maledicência para alcançar seus objetivos mesquinhos.
2) A FOFOCA DESTRÓI A CONFIANÇA E A AMIZADE. (v. 8, 11, 12, 13-15). Saul acreditou somente no fofoqueiro, não confiou em Aimeleque, nem tampouco nos próprios sacerdotes do Senhor. A fofoca gera desconfiança no meio do povo de Deus, destruindo a Amizade.
3) A FOFOCA TRAZ DESGRAÇA (v. 16-19). Essa fofoca de Doegue, o edomita, causou a morte de oitenta sacerdotes do Senhor, e também a morte de Aimeleque e sua família, sendo que até as mulheres e crianças de peito morreram a fio de espada. A fofoca traz desgraça no meio do povo de Deus, e pode matar muitas vidas espiritualmente e até mesmo destruir famílias afetando pessoas inocentes.
4) A FOFOCA CAUSA FUGA (v. 17-23). Davi e o filho de Aimeleque, Abiatar, o único sobrevivente desse massacre fugiram para não serem mortos. A fofoca causa fuga. Há muitas pessoas que fugiram da presença de Deus, e hoje estão escondidas por causa da fofoca.
Em nome de Jesus, tome cuidado com o que você fala, com o que ouve e com o que comenta. Você pode estar destruindo vidas com suas palavras. A Bíblia nos adverte quanto ao nosso falar, e nos assegura que estamos perdendo o nosso tempo se não cuidamos da nossa língua: “Se alguém se considera um religioso e não consegue refrear sua língua, está enganando seu próprio coração e sua religião não tem finalidade alguma” (Tiago 1.26). Em nome de Jesus, não seja um caluniador, um fofoqueiro, um destruidor de vidas, mas seja um abençoador, prudente no falar. Que em  nome de Jesus, repouse sobre sua vida, o Espírito de Deus e não o Espírito de Doegue, o fofoqueiro. Que Deus te abençoe ricamente, em nome de Jesus, amém. 
Transcrito

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esta postagem realmente é muito forte, sendo assim, te convido a ler e meditar no seu conteúdo e depois, peço-te, deixe ai seu comentário, sua crítica, seu recado, sua opinião... E compartilhe em sua rede social.
Pois assim você estará me ajudando a melhorar este espaço!
(1)Reservo o direito de não públicar criticas negativas de "anônimos". Quer criticar e ter a sua opinião publicada? Identifique-se.
(2) Discordar não é problema. É solução, pois redunda em aprendizado! Contudo, com educação. Sem palavrão! (3) Ofereça o seu ponto de vista, contudo, a única coisa que não aceitarei é esta doutrina barata do “não toque no ungido” do Senhor. não venha me criticar por falar contra aqueles que penso serem enganadores e falsos profetas.
Sinta-se em sua casa! Ou melhor, em seu blog!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Ao redor do mundo...

♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥

MENSAGENS DO MILTON RABAYOLI

FIQUE A VONTADE... SINTA-SE COMO SE ESTIVESSE EM SEU PRÓPRIO BLOG...

♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ E VOLTE SEMPRE! ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥