Para a glória de Deus!

Para a glória de Deus!

26/01/2014

Quando o homem dá as costas para Deus

A presença de Deus: Muitos não percebem, outros não querem perceber, ou apenas se deixam levar pelas percepções enganosas que o mundo tão gentilmente oferece. Muitos são os que se iludem com os tapetes vermelhos estendidos contendo iguarias doutrinárias em troca do abrir mão da verdade inabalável fundamentada na Palavra que foi deixada como herança, exatamente a vontade expressa do Deus que a tudo criou a partir da Sua Soberana vontade.
 Percebe-se o extremo em que chegou a humanidade através da maldade do ser humano, que de forma maliciosa hipervaloriza os supérfluos mundanos, tal qual a cobiça desenfreada que habita mentes vazias e carentes de valores espirituais.
O homem vira o rosto para o seu próprio semelhante, aquele que fora criado à imagem e  semelhança do Criador, se auto- denunciando não somente mesquinho, mas, traidor e portador de todo tipo de injustiça, ao invés de se portar de forma adequada segundo a vontade dAquele que é Deus, para viver com dignidade e justiça, e isso mostra o quanto o ser humano está longe de Deus.
 A expressão exata do que se vê neste mundo resume-se nas  injustiças,  nos interesses pessoais, nas descaracterizações, nas rebeldias, nas desobediências, nas desigualdades, na miséria, tudo isto concorrendo para a falta de amor de forma generalizada e desastrosa, que acaba por culminar no que hoje observamos e convivemos: o caos espiritual.
 Muitos são os desvios do povo de Deus, que está inserido na dura realidade das dificuldades e mesmo não suportando mais ver e conviver com a  violência e a injustiça explicita presente nos dias que se seguem, de forma nua e crua permitem ainda o  invadir das suas  intimidades, nos lares, coisas oriundas do mundo cruel que todos sabem pertence ao inimigo e  que só servem para insuflar a desordem e o desespero numa autentica apologia a verdadeira violência, que se apresenta travestida de espelho.
No mundo de hoje, a ausência de Deus, abriu espaço para um tempo dominado pelo imediatismo, pelas promessas de facilidades e barganhas, o ser humano e a sua dignidade não tem valor algum; Deus não tem valor algum; a família não tem valor algum; a ética acabou por ser banida, a justiça, acabou presa pela própria lei distorcida, e o direito, assassinado a sangue frio pelo sistema sem sentimento, sem amor.
Quando o homem dá as costas para Deus, ajunta bens mundanos, edifica a vida com valores inertes  e se  fundamenta nas vergonhas que a carne proporciona.
Quando o homem dá as costas para Deus, não denuncia a maldade do mundo, e de forma imunda, se põe presente na injustiça, na indiferença, no pecado e principalmente na idolatria.
Quando o homem dá as costas para Deus, se aliena como ser humano, separando-se de Deus, de si mesmo e do seu semelhante, tornando-se incapaz de amar e de ser amado, de perceber o mal que planta e transmite, se envolvendo cada vez mais com coração na perversidade e na escuridão espiritual.
Quando o homem dá as costas para Deus, se torna um mestre de mentiras, um artífice sem  obras, uma mula de satanás, incapaz de ensinar, de ser exemplo, pois se transforma e transforma o ser humano à sua semelhança, tornando-o cego, incapaz de perceber sua própria maldade e miséria, incapaz de perceber e ouvir a voz de Deus, incapaz de denunciar o pecado e dizer sim à vontade de Deus e  mover-se em Sua direção.
Quando o homem dá as costas para Deus, caminha desgovernado, e sem rumo anda sozinho, em meio aos vazios que ele mesmo cultivou, vivendo nos caminhos do mundo sem ter um caminho definido, e ao relento das próprias decepções se esconde da realidade.
Quando o homem dá as costas para Deus, pensa que tem pensamentos, sonha sem ter sonhos, e acaba por ser prisioneiro de suas próprias escolhas, não tendo mais a verdadeira noção dos limites que se deve ter, e vivendo continuamente a pecar da forma mais abominável que se possa imaginar, não vislumbrando mais a verdadeira luz que está adiante dos olhos e nem a cruz que o livrou através do sacrifício de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo.
Quando o homem dá as costas para Deus, tudo o que ele tenta ajuntar o vento espalha, 
o que ele planta não dá frutos, e como palha vê a sua vida se tornar inútil sendo queimado como um nada, sem valor, simplesmente porque se recusou a ter Deus.
A Palavra Sagrada nos ensina que o justo viverá pela fé, fé que todo homem deve nutrir de forma consciente e proveitosa, fé que não deixa o crente inerte e sem ação,  fidelidade a um Deus de justiça e de Amor imensurável,  fé que mantém o homem de Deus vivo.
Vivemos num tempo em que as escolhas devem ser feitas de forma consciente e inabalável, pois, o dia da vinda do Senhor está próximo, Ele bate à porta, e para abri-la devemos estar convictos de nossas escolhas, alinhados com o que preconiza a Palavra fundamentada e que é nossa por herança para que sejamos semelhantes Àquele que se deu por nós em sacrifício na cruz do Calvário.
Ainda é tempo de pregar o Evangelho, de admoestar, de redarguir, de orientar, de ensinar, de mostrar o verdadeiro caminho, verdade e vida, a Luz que está acima de todas as luzes,  o nome que está sobre todo nome. É tempo de acolhermos as boa novas porque através delas a salvação não esbarra em fronteiras.
É preciso ter coragem para assumir aquilo que somos diante de nosso Senhor, é preciso ter coragem para reconhecermos nossas limitações, ter coragem para acreditar e encarar a multidão e de forma humilde tocar na orla do manto, quebrantado.
 Que a Sabedoria seja sempre a tônica do verdadeiro homem de Deus, não buscando e nem se dobrando aos que servem ao inimigo, alcançando os níveis desejados de harmonia espiritual para honra e glória de nosso Senhor Deus PAI e filho e nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo.

“E se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra.”  ( 2 Cro 7:14 )

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esta postagem realmente é muito forte, sendo assim, te convido a ler e meditar no seu conteúdo e depois, peço-te, deixe ai seu comentário, sua crítica, seu recado, sua opinião... E compartilhe em sua rede social.
Pois assim você estará me ajudando a melhorar este espaço!
(1)Reservo o direito de não públicar criticas negativas de "anônimos". Quer criticar e ter a sua opinião publicada? Identifique-se.
(2) Discordar não é problema. É solução, pois redunda em aprendizado! Contudo, com educação. Sem palavrão! (3) Ofereça o seu ponto de vista, contudo, a única coisa que não aceitarei é esta doutrina barata do “não toque no ungido” do Senhor. não venha me criticar por falar contra aqueles que penso serem enganadores e falsos profetas.
Sinta-se em sua casa! Ou melhor, em seu blog!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Ao redor do mundo...

♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥

MENSAGENS DO MILTON RABAYOLI

FIQUE A VONTADE... SINTA-SE COMO SE ESTIVESSE EM SEU PRÓPRIO BLOG...

♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ E VOLTE SEMPRE! ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥