Para a glória de Deus!

Para a glória de Deus!

17/07/2014

O que é um Apóstolo?

O que é apóstolo?

Segundo a 1ª carta de Paulo aos Coríntios, capítulo 12, versículos 27 ao 30 o Apóstolo está em primeiro lugar no corpo de Cristo. “Pois bem, vocês são o corpo de Cristo e cada um é uma parte desse corpo. Na igreja Deus pôs tudo no lugar certo: em primeiro lugar os apóstolos; em segundo os profetas; e em terceiro os mestres. Em seguida pôs os que fazem milagres, depois os que têm dom de curar ou de ajudar ou de liderar ou de em falar línguas estranhas. Nem todos são apóstolos ou profetas ou mestres. Nem todos têm o dom de fazer milagres, nem de curar doenças, nem de falar em línguas estranhas, nem de explicar o que essas línguas querem dizer”.
Em Efésios 4:11-12 diz que foi Jesus quem deu dons à pessoas. “Foi Ele quem deu dons à pessoas. Ele escolheu alguns para serem apóstolos, outros para profetas, outros para evangelistas e ainda outros para pastores e mestres da igreja. Ele fez isso para preparar o povo de Deus para o serviço cristão, a fim de construir o corpo de Cristo”.
A palavra apóstolo vem do grego e significa enviar, mas não apenas no sentido de mandar, como se manda um objeto, por exemplo. A derivação da palavra Apostellein confere o significado de enviar uma pessoa, sob a autoridade de quem manda e da responsabilidade de quem vai. Portanto Jesus escolheu 12 discípulos, que foram chamados apóstolos por terem sido enviados por Jesus para pregar sua palavra. “Quando amanheceu chamou os seus discípulos e escolheu doze deles. E deu o nome de apóstolos a estes doze: Simão, em quem pôs o nome de Pedro e seu irmão André; Tiago e João; Filipe e Bartolomeu; Mateus e Tomé; Tiago, filho de Alfeu; Simão, o nacionalista; Judas, filho de Tiago; e Judas Iscariotes, que foi o traidor”. (Lucas 6:13-14).
Paulo foi chamado de apóstolo porque teve uma visão de Jesus quando estava em Damasco. Ele foi uma excessão ao apostolado pois foi chamado após a morte de Jesus e posteriormente se considerou o menor de todos os apóstolos (1Coríntios 15:10). Antes, como um perseguidor dos cristãos, aprovou a morte de Estêvão (Atos 8:1), Saulo, como era chamado, teve uma visão de Jesus. Em sua visão Jesus perguntou a ele o porquê de persegui-lo. Saulo ficou cego e após três dias se encontrou com Ananias em Damasco. Neste encontro Ananias confirmou a visão de Jesus e Saulo pôde ver novamente. Tendo recebido o batismo Saulo mudou o nome para Paulo e passou a pregar a palavra de Deus. (Atos 9). Paulo só foi chamado de apóstolo porque teve uma visão de Jesus que foi confirmada por Ananias. Então o próprio Jesus o chamou mesmo sendo em uma visão.
Portanto, Apóstolo é aquele que foi enviado por Jesus para pregar sua palavra.

Ainda existem apóstolos nos dias de hoje?

Esta é uma discussão polêmica. A defesa de que ainda exite apóstolo vem principalmente de igrejas pentecostais e a afirmação contrária parte de teólogos com linhas mais tradicionais. O Gospel+ selecionou para você duas afirmações sobre a existência de apóstolo. A primeira é contra a existência desta denominação nos dias de hoje, defendida por João Rodrigo Weronka e publicada no blog Púlpito Critão (leia o texto na íntegra aqui).
“Os ofícios que o Novo Testamento expõem para a igreja, para aqueles que compõem sua liderança, são: Apóstolos, Pastores (ou Presbíteros, ou Bispos – já que todos os termos representam a mesma função/ofício – Tito 1.5-7; Atos 20.17,28) e Diáconos. Esta Restauração Apostólica não encontra subsídio bíblico ou histórico, portanto, levando em conta este contexto, e considerando principalmente que Paulo foi o último apóstolo, conclui-se que não existem apóstolos em nossos dias. Cabe a igreja de nossos dias, exercer suas funções sem invencionices e modismos, seguindo o puro e verdadeiro Evangelho”.
A outra afirmação defende o apostolado nos dias atuais e foi postada no blog da Assembléia de Deus de Assú, Rio Grande do Norte. (leia na íntegra). “A crença de que não existem apóstolos vivos nos dias de hoje não tem total base bíblica. (…) Assim sendo, mesmo que em nossas denominações não haja o reconhecimento nominal desta categoria de liderança ministerial, o tal líder existe com ou sem o uso dessa nomenclatura, pois o ministério do apostolado está concedido por Cristo”.
O grande embate neste caso é o uso da palavra “apóstolo” justamente pelo seu significado. Como significa mensageiro de Deus algumas igrejas vêem o apostolado como algo comum ao evangelho, pois as pessoas devem propagar a verdade de Jesus. A outra corrente de pensamento diz que a referência ao nome “apóstolo” não pode ser empregada porque para se tornar apóstolo deve-se ter sido chamado pelo próprio Jesus.  Mas a grande verdade é que o evangelho diz para todos os cristãos falar sobre as boas-novas, independente da maneira como são chamados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esta postagem realmente é muito forte, sendo assim, te convido a ler e meditar no seu conteúdo e depois, peço-te, deixe ai seu comentário, sua crítica, seu recado, sua opinião... E compartilhe em sua rede social.
Pois assim você estará me ajudando a melhorar este espaço!
(1)Reservo o direito de não públicar criticas negativas de "anônimos". Quer criticar e ter a sua opinião publicada? Identifique-se.
(2) Discordar não é problema. É solução, pois redunda em aprendizado! Contudo, com educação. Sem palavrão! (3) Ofereça o seu ponto de vista, contudo, a única coisa que não aceitarei é esta doutrina barata do “não toque no ungido” do Senhor. não venha me criticar por falar contra aqueles que penso serem enganadores e falsos profetas.
Sinta-se em sua casa! Ou melhor, em seu blog!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Ao redor do mundo...

♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥

MENSAGENS DO MILTON RABAYOLI

FIQUE A VONTADE... SINTA-SE COMO SE ESTIVESSE EM SEU PRÓPRIO BLOG...

♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ E VOLTE SEMPRE! ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥