Para a glória de Deus!

Para a glória de Deus!

24/05/2014

A Síndrome de Laodicéia



A minha preocupação é que este vírus, da apatia e da indiferença,não tem contagiado apenas o ministério pastoral, mas o ministério geral, em que tanto parte significativa de pastores, me refiro ao cristianismo em geral, quanto dos ditos membros leigos estão infectados por esta doença, a síndrome de Laodicéia (rica sou e de nada tenho falta), por sinal infecto-contagiosa; até porque o sacerdócio continua sendo de todos os crentes, e a profecia não haveria de se cumprir tão somente no pastorado.Está difícil hoje administrar uma comissão, temos muitos missiólogos, missiófilos, mas missionários estão em extinção.
O espírito de letargia, os papa-sermões, e a falta de amor ( Cristo já havia predito, que o amor se esfriaria, mas não achava que isso aconteceria na igreja), o espírito de egolatria, o culto ao eu e para o "eu", talvez chamássemos esse grupo de umbigólatras, é que tem se despontado em nossas igrejas, sermões que acariciam o ego, satisfazem necessidades tão somente e superficialmente existenciais os quais satisfazem multidões, cada vez mais capitalistas e materialistas.
E mesmo havendo pastores comprometidos, mas em nada sensatos carregando a igreja nas costas não capacitando e não treinando seus liderados e arrogando para si o Status de "Super-homem" ou semi-deuses, quando não são os "Show Man" e querem ser tudo, administradores, pedagogos, psicólogos, teatrólogos, podológos...e não fazem terminantemente nada, tampouco o que é para o que de fato foram chamados, que é alimentar e nutrir o rebanho e capacitá-los a cumprir a missão, tal como "coaching" (treinador) num time de futebol, basquete, entre outros. O técnico não é goleiro, meia, lateral, ou atacante, todavia os jogadores acatam a suas orientações focados em suas habilidades que são constatadas por um técnico competente. O goleiro não pede pra ser centro-avante pois sabe que não é habilidoso pra isso, mas dedica-se e dá o seu melhor naquilo em que ele é competente, que não acontece na igreja, pois o diácono quer ser cantor mesmo que não tenha sido vocacionado pra isso, aí temos um bocado líberos sem nenhuma especialidade em campo, daí reclamam porque se leva gol e não faz gol, todo mundo quer partir pro ataque, ou melhor, só quer ficar na zaga, e o que é pior são péssimos defensores (dói de ver!), nã sabem montar uma barreira e brigam entre si. A verdade é que tem muito prego querendo ser martelo por aí e vice-versa. E há, os reservas que reclamam o tempo todo por estarem no banco e ainda os que não estão em campo, feito torcedores na arquibancada querendo ensinar o técnico a escalar o time.
Um médico competente e responsável, pode até medir palavras para dizer ao paciente da gravidade de sua enfermidade, mas nunca será omisso em realizar o tratamento à base de radioterapia e quimioterapia, ambas muito dolorosas e por fim a cirurgia necessária para retirar o câncer, mesmo que anestesiando o indivíduo para minimizar o impacto, a dor será evidente depois, pois não cessará o processo de cura até que se tenha estirpado de vez o mal, para que a mesma seja um fato. É necessário angústia entre o povo de Deus, e pararmos de transferir a resposabilidade pra outros, sendo ela também nossa. Se cada um de nós assumíssemos o compromisso, fôssemos mais comprometidos e não tão somente envolvidos, pararíamos de lançar a culpa nos outros.
Madre Tereza poderia passar sua vida lamentando diante da tragédia e do descaso, mas preferiu arregaçar as mangas e fazer. Me lembra aquela estorinha da criancinha que devolvia uma a uma as estrelas do mar, quando questionado e quase desanimado ante o desafio de ver tantas outras morrerem na praia, mas ousada e destemidamente, convicto de sua missão ao arremessar mais uma ao mar diizia : "pra essa aqui eu fiz a diferença" .
Precisamos mais de Calebes e Josués e não de Corés ou Datãs. Ainda há uma terra a conquistar, prossigamos para o alvo e fazermos o que o Senhor pede de nós "Ele te declarou, ó homem, o que é bom e que é o que o SENHOR pede de ti: que pratiques a justiça, e ames a misericórdia, e andes humildemente com o teu Deus. (Miquéias 6:8), esmurremos nossos corpos pra que depois de termos pregado nós mesmos não venhamos a ser desqualificados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esta postagem realmente é muito forte, sendo assim, te convido a ler e meditar no seu conteúdo e depois, peço-te, deixe ai seu comentário, sua crítica, seu recado, sua opinião... E compartilhe em sua rede social.
Pois assim você estará me ajudando a melhorar este espaço!
(1)Reservo o direito de não públicar criticas negativas de "anônimos". Quer criticar e ter a sua opinião publicada? Identifique-se.
(2) Discordar não é problema. É solução, pois redunda em aprendizado! Contudo, com educação. Sem palavrão! (3) Ofereça o seu ponto de vista, contudo, a única coisa que não aceitarei é esta doutrina barata do “não toque no ungido” do Senhor. não venha me criticar por falar contra aqueles que penso serem enganadores e falsos profetas.
Sinta-se em sua casa! Ou melhor, em seu blog!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Ao redor do mundo...

♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥

MENSAGENS DO MILTON RABAYOLI

FIQUE A VONTADE... SINTA-SE COMO SE ESTIVESSE EM SEU PRÓPRIO BLOG...

♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ E VOLTE SEMPRE! ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥